A escola de culinária queria reforçar sua atuação nas redes com conteúdos de interesse para pessoas que querem aprender a cozinhar ou aperfeiçoar suas habilidades na cozinha.

Desenvolvemos um projeto focado em Instagram e Facebook e, logo depois, em Pinterest, abordando ingredientes, utensílios, dicas e o clima descontraído das aulas. Os conteúdos começaram a ser compartilhados em outubro de 2014 e o engajamento cresce mês a mês. Os seguidores têm usado cada vez mais as redes.